Resenha: Quando a Selva Sussurra

  

Título: Quando a Selva Sussurra

Autores: Vários autores

Páginas: 184

Editora: Lendari





COMPRE AQUI:  AMAZON















     Muito, muito, muito melhor do que eu esperava! Uma viagem deliciosa pelas lendas amazônicas, contadas de forma lúdica, atual e envolvente.

     O conto que mais gostei é o "A Casa 26" escrito por Rossemberg Freitas, que traz a lenda na Negra Marta Pereira (Matita Pereira) contada como se fosse hoje. Com um toque macabro que eu adoro!

     Outro que adorei foi "A Caçada de Lunay Costa", que vem contar a história de um pai e dos filhos que não se importavam com as histórias que o povo conta; até o dia que saíram para caçar, mas de uma hora para outra viraram a caça de um dos seres mais apavorantes da floresta, o Curupira.


"Era como se alguém alto houvesse passado por ali e as quebrado de propósito. As marcas dos porcos ficaram no chão, no entanto, as pisadas não faziam sentido. Os porcos precisariam andar de costas para fazer aquelas marcas no chão."
Pag. 39


     Eu adoro contos, mas estes ganharam meu coração. Um frescor para o coração, uma brisa amazônica para a alma.

     São várias lendas recontadas, reinterpretadas e revisitadas da forma que só quem vive e respira daquela terra poderia contar.

     Esse livro merece todo o mérito e todos precisam ler. É a nossa história, são as nossas lendas e quanto mais gente ler, fica mais difícil que elas se percam com o tempo e acabem sendo esquecidas.

     O trabalho da Editora Lendari também me surpreendeu. A capa é belíssima e cada conto traz uma ilustração correspondente com a trama contada, e todas lindas. Uma diagramação perfeita, e o mesmo se repete com a revisão.

     Uma surpresa boa atrás da outra.

     Mais do que recomendado!





















9 comentários:

  1. Olá, Lelê
    Não conhecia o livro, mas fiquei bem animado para a leitura. Adoro contos, então quero muito conferir a obra. Aliás, se aborda a nossa cultura, que é tão rica, melhor ainda.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
  2. Oii!
    Ufaaaa q bom ler isso!
    Eu já estava desistindo de ler, mas sua resenha me salvoou!
    Desde o começo tinha me interessado em ler, mas faltava algo...
    Agora nao tenho mais duvidas!
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi Lê que bom que o livro angariou tantos elogios seus, com certeza é uma trama que te conquistou e que merece uma atenção redobrada
      http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

      Excluir
  3. Oi, Lê.
    Você é mesmo paciente, hein?!
    Eu não encaro!! rs...
    beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lelê!

    Eu também adoro contos. Não conhecia este livro e fiquei interessada em lê-lo, pois não conheço muitas lendas nacionais e acho que será uma boa oportunidade de mudar isso.
    Ótima dica!

    Beijocas.
    http://artesaliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Lelê, é incrível como a gente conhece autores maravilhosos em coletâneas de contos, lia muito na adolescência!

    Dois abraços!

    ResponderExcluir
  6. Olá. Não conhecia esse livro, mas com sua resenha, fiquei com vontade de ler. Gosto muito de contos. Uma obra assim, podemos conhecer vários autores e seus belíssimos trabalhos. Só tem a enriquecer nossa cultura. Obrigada.

    ResponderExcluir
  7. Você adora contos não é?
    Esses que você citou são mesmo bons, percebi o que lhe chamou a atenção e fez você gostar. Eu gosto de contos, parece que são inúmeras historias dentro de um livro só.

    ResponderExcluir
  8. Sou apaixonada por contos(tanto que quarta feira é meu dia favorito aqui no blog..rs)
    Acho que já tinha visto esse livro(capa) aqui mesmo no blog e já fiquei encantada. Gosto das coisas simples e diferentes.
    Agora lendo a resenha, sei que preciso ler essa obra e urgente!
    Ainda mais que tem essa pitada de terror/horror/suspense!
    Beijo

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...