#Resenha: Os Filhos da Tempestade

  

Título: Os Filhos da Tempestade

Autor: Rodrigo de Oliveira

Páginas: 333

Editora: Planeta




COMPRE AQUI:  BUSCAPÉ, SARAIVA, AMAZON















     Senhoras e senhores, bom dia. Meu nome é Alessandra, sou a comissária deste voo. Em nome do autor Rodrigo de Oliveira, apresento as boas-vindas à bordo do livro "Os Filhos da Tempestade". Durante a decolagem, o encosto de sua poltrona deverá ser mantido na posição vertical, sua mesa fechada e travada. Em caso de despressurização, máscaras cairão automaticamente. Esta aeronave possui seis saídas de emergência.

     Caso haja uma tempestade e por motivos de força maior seja feito um desvio e o avião seja obrigado a passar pelo Triângulo das Bermudas, esqueça tudo que foi dito. Salvem-se quem puder.

     Aproveite a aventura!


"A ampulheta da vida tinha sido virada. A contagem regressiva começara."Pag. 8


     Todo mundo sabe que sou doida pelo Rodrigo de Oliveira, fã de carteirinha mesmo; então quando ele disse que lançaria um livro de aventura/fantasia/sobrenatural, fiquei bem empolgada, mas muito curiosa, pois isso seria totalmente diferente da já conhecida "Crônica dos Mortos", que já teve todos os seus livros já lançados resenhados aqui no blog.

     Deixei minhas expectativas de lado e mergulhei na leitura.

     No início somos apresentados a uma moça chamada Carol Smith, que está prestes a ser julgada por bruxaria. Se ela for condenada, será morta.

     O juiz do caso, achando-se incompetente para julgar, resolve ir contra a decisão do juri e envia Carol para a Itália, para que ela seja julgada pelo Vaticano. 

     Nessa época, o único jeito de viajar era de navio, e uma viagem assim durava meses. E assim começa toda a aventura e loucura que estava escondida na mente do autor.

     No segundo capítulo, vamos conhecer uma turma de adolescentes estudantes de música que moram no Rio de Janeiro e estão prestes a ir para Los Angeles. Eles irão participar de um concurso.

     Tiago é o protagonista, um garoto de apenas quatorze anos, mas que não tem nada de menininho, pelo contrário, ele é do tipo que vai e faz; não espera ninguém pra nada. Decidido e corajoso, porém, não deixa de ter a idade que tem.

     Durante a viagem, coisas sinistras acontecem e o avião cai no mar. Tiago, seus amigos e outros passageiros conseguem sair do avião antes que ele afunde e ficam no mar esperando o resgate. Porém, alguns deles são tragados por um redemoinho.

     Todos vão parar em uma ilha paradisíaca.

     Sem saber como voltar, eles decidem conhecer a ilha... Toda a aventura começa à partir desse momento.


"Eu cresci ouvindo histórias e vendo filmes sobre o Triângulo das Bermudas, mas a ficção não se compara com a realidade."Pag. 233


     Mil vezes melhor do que imaginei que fosse. "Os Filhos da Tempestade" é maravilhoso!

     A narrativa é um "troço" que gruda. Sério. Você entra na história, dá pra visualizar cada nascer do sol, pra sentir o frio da noite, dá pra ficar aterrorizado a cada barulhinho vindo da floresta. Impossível não levantar pra beber água enquanto os personagens estão com sede. O autor não descreve de forma detalhada e cansativa; ele mostra o que você precisa ver.

     O pior é quando você se apega ao personagem. 

     Depois de um tempo lendo, eu esqueci que o autor era o mesmo daquela série de zumbis. Só me lembrei quando pessoinhas que eu já amava começaram a morrer. Aí eu quis matá-lo.

     Pelamor!! Precisava?

     Li as últimas páginas três vezes pra acreditar. Caramba!

     A capa criada pela Ursula "SulaMoon" Dorada é divina. Uma obra de arte. A diagramação também está super bem feita.

     #Dica: Faça uma busca no Google sobre o USS Cyclops que está na capa, garanto que irá se surpreender.






     Não consigo mais ver o Triângulo das Bermudas como antes. Acredito que essa história do livro é a única e verdadeira sobre o lugar e o fenômeno que a cerca.

     Eu amei muito a leitura. Vocês precisam ler também!!

     

     Leiam!!







a Rafflecopter giveaway
















11 comentários

  1. Acredito que foi e ainda é um dos livros mais divulgados no momento. Desde que foi lançado, vi e li muita gente apontando o livro como excelente e dizendo o quanto a narrativa do autor é diferenciada e que realmente prende o leitor!
    Ainda não conheço as letras dele, mas quero fazer em breve já que este livro está na lista de desejados!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Nossa adorei a resenha é sou louca para ler esse livro do Rodrigo de Oliveira mas até agora ainda não li nenhum dos livros dele!! A capa ficou linda demais!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  3. Lelê, é maravilhoso, adorei conhecer mais um pouco da obra, eu tinha lido uma resenha só, já qro!!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lelê.
    Adorei a sua empolgação e fiquei aqui imaginando que você tava me contando tudo sobre o livro!! Rs...
    Preciso ler logo um livro do Rodrigo!! Acho que vou começar por esse, porque não sou lá muito fã de zumbis! Rs...
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  5. Oi Lelê,
    Quero muito ler depois dessa resenha animada *-* mentira que ele mata os personagens que a gente se apega? O George Martin acabou comigo fazendo isso. Sério. Não tenho mais coração depois de ler a série :'( De tanto ouvir falar bem desse autor eu preciso desesperadamente ler um livro dele '-' obrigada por mais um dica de história massa!
    bj

    ResponderExcluir
  6. Oi Lele! Estou esperando o meu chegar e estou super curiosa para conferir. Depois desses elogios então quero pra ontem. Bjos!!!

    ResponderExcluir
  7. é ótimo quando um autor consegue nos prender dessa forma a sua trama
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bem?
    Nunca li nada do autor mas tenho muita vontade de conhecer sua escrita, gostei muito da sua resenha, me deixou bem empolgada! Espero ter oportunidade de ler esse livro um dia!

    Obrigada pelo carinho. Um super beijo :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  9. Ah que vontade deu de ler esse livro aqui agora, acho que é fluida e vale a pena cada pagina, achei super linda essa capa envolvendo um ar de mistério leria se tiver alguma chance quero sim.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  10. Lê!
    Vixe!
    Deve ser um daqueles livros que só largamos quando chegamos a última página, porque criatividade não faltou.
    Gostaria muito de conferir como ele abordou o tema do Triângulo das Bermudas para que tenha se empolgado tanto.
    “A sabedoria consiste em compreender que o tempo dedicado ao trabalho nunca é perdido.” (Ralph Waldo Emerson)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá Ale!!!
    A primeira coisa que me chamou atenção nesse livro foi a capa que está realmente maravilhosa *-*
    Segundo agora fiquei mega curiosa se as duas histórias se encontram no meio de tudo isso e sim estou começando a achar que os autores tão se inspirando muito GOT pois a gente se apega um personagem e acaba morrrendo. Nam!!! ¬¬
    Adorei a resenha :)

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...