#Resenha: As Vidas Impossíveis de Greta Wells

  

Título: As Vidas Impossíveis de Greta Wells

Autor: Andrew Sean Greer

Páginas: 254

Editora: Jangada




COMPRE AQUI:  BUSCAPÉ,  SARAIVA,  AMAZON













     Tá aí um livro completamente diferente de tudo que já li. Quando vi a capa, imaginei uma história e quando li encontrei outra. Adoro quando isso acontece!


"Toquei meu rosto e fiquei imaginando: Que truque é este?/ Como esta pode ser eu?"
Pág. 34


     Greta Wells é apresentada ao leitor em 1985. Ela está sofrendo muito com a morte do seu irmão gêmeo, Félix. Os dois eram muito amigos e muito ligados. A dor de Greta parece que não tem como piorar... Até que ela descobre que tem sim.

     Logo em seguida ela descobre que Nathan, seu noivo e companheiro nos últimos dez anos a está traindo. E mesmo que ela tente esconder que já sabe disso, Nathan decide abandoná-la no pior momento da sua vida.

     A sua única força está em sua tia Ruth, mas não é o suficiente para consolá-la.

     Isso tudo leva Greta para uma depressão profunda demais para ser tratada só com comprimidos e terapia; ela precisa de eletroconvulsionantes, e é aí que a história começa.


"Ele foi meu com companheiro por dez anos. Nos últimos meses de vida do Félix, entretanto, Nathan era um fantasma que eu não conseguia ver."
Pag. 19


     Durante a sessão, Greta vai para um mundo diferente - um mundo igual, mas não tão igual assim - onde ela é uma outra Greta.

      Ela vai para 1918. Nessa época Greta é casada com Nathan, seu irmão Félix está vivo, mas ela vive uma história de amor secreta com outro homem e também sofre com a depressão.

     No dia seguinte ela tem outra sessão, e dessa vez ela vai para 1941. Para a vida de Greta que é casada com Nathan, tem um filho, seu irmão está vivo, mas Ruth morreu num acidente e ela sente-se culpara por isso ter acontecido.

     Ou seja, todas as três Gretas sofrem por motivos diferentes, mas ao mesmo tempo são parecidos. Todas devem aprender como se curar das suas dores.


" - Eletroconvulsionante. É um último recurso. Me disseram que é uma convulsão para quebrar um padrão na minha mente, mas eu sei o que é realmente. Eles acham que eu deveria ser outra pessoa. Esta Greta sem dúvida não está funcionando."
Pag. 27


     Como já disse, esse livro é diferente, é inteligente; faz o leitor parar e pensar, comparar com sua própria vida, analisar se algumas coisas fossem diferentes...

     São duas sessões por semana, a cada sessão Greta vai viver a vida da outra Greta. As três então começam a "tratar" seus problemas.

     Parece confuso?

     Mas não é quando se está lendo.

     Pois não será somente uma Greta que irá amadurecer, são três Gretas, ou será uma?

     São as vidas impossíveis de Greta Wells.

     Gente! Leiam! Mas leiam mesmo!!












Leia um trecho: 
     
















6 comentários

  1. Fascinante!
    Como não conhecia o livro, estou aqui lendo e relendo a resenha. Muito diferente de tudo que a gente acaba lendo por aí. Uma intensidade, que ficou tão nítida na resenha.
    Complexo, mas ao mesmo tempo, tão simples.
    Uma vida, três pessoas..ou vice versa?
    Lerei com certeza!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Fiquei fascinada na história e realmente olhando a primeira vez na capa se imagina outra história.
    Gostei é bem inteligente a história e também um pouco confusa para o leitor descobrir a verdade por trás de de tudo.
    Abraço!!!

    ResponderExcluir
  3. Universo dentro de universo? Se foi isso mesmo que eu entendi, com certeza iria adorar ler!

    Abraço Lelê <3

    ResponderExcluir
  4. Lê!
    Achei fabuloso o livro e todo enredo mostrando as vidas passadas de GReta, se é que podemos chamar assim...
    Quero ler com certeza.
    “Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la.” (Cícero)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Lelê.
    Adorei o novo visual! Está muito fofo!!
    Sou o livro, quero muito ler.
    Fiquei encantada com a sua resenha e curiosa para entender esse coisa das três Gretas!! rs...
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Oi, Lelê.
    Comecei a ler a resenha pensando ser uma drama convencional. Avancei e quase fiz um paralelo com Sucker Punch (haha), para depois sacar que é mesmo uma leitura meio maluca sobre viagem no tempo, mas principalmente sobre amadurecimento, cura psicológica e autoconhecimento. Mas talvez seja TUDO ISSO, mesmo. Tô confusa e agradavelmente curiosa.

    Anotado!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...