Resenha: Amor Amargo

  

Título: Amor Amargo

Autora: Jennifer Brown

Páginas: 253

Editora: Gutenberg 




COMPRE AQUI: SARAIVA,  FNAC,  EXTRA,  BUSCAPÉ,  AMAZON












     Preciso catar meus caquinhos que ficaram jogados ali.


"Levantei-me e respirei fundo algumas vezes enquanto pendurava a mochila nos ombros e depois saí como se nada tivesse acontecido. E, no que dependesse de mim, era isso que todos pensariam."
Pag. 142



     Vocês lembram que quando li "A Lista Negra", eu não fiquei morrendo de amores. Na verdade eu havia gostado da trama, mas não da protagonista. Dessa vez o jogo virou completamente.

     A trama é simples, mas o rumo da história, as atitudes tanto da protagonista, quanto dos outros personagens, o caminho seguido para o desenrolar de tudo, até o final, foi tudo muito bom. Bem escrito e bem amarrado. E por mais que em alguns momentos a protagonista tenha me irritado, eu entendi completamente o por que que ela se tornou tão cega.


"Ele não era Zach, mas algo em Cole me dava uma sensação gostosa."
Pag. 22


     Alexandra era uma garota até certo ponto comum, igual a muitas da sua idade. Estuda, trabalha, tem ótimos e grandes amigos... Enfim, normal, mas não é bem assim tão perfeitinho.

     Alex - é assim que é mais conhecida - está prestes a terminar o colégio, e para comemorar sua formatura, ela, Zach e Beth irão para as montanhas do Colorado. É para isso que estão se preparando e guardando dinheiro há anos.

     Mas não é só por diversão que estão planejando essa viagem.

     Foi neste lugar que a mãe de Alex foi quando sofreu um acidente e morreu quando Alex ainda era uma criança.


"Tentei esboçar um sorriso, mas era como se não caísse bem no meu rosto. De uma hora para outra, não sabia o que pensar ou sentir. Queria continuar zangada com ele pelo que tinha feito na noite anterior, mas a noite anterior já parecia ter passado havia muito tempo."
Pag. 110


     Seu pai vive um luto eterno, não consegue viver novamente, é como se estivesse anestesiado. Trabalha, come, dorme. Não conversa com ninguém, nem com suas filhas.

     Apesar disso, ir ao lugar onde sua mãe morreu é como se finalmente a tampa fosse fechada. Ela acredita que quando isso acontecer ela será feliz de verdade.

     E neste meio tempo surge o lindo Cole. O aluno novo.

     Cole é lindo fisicamente, e se mostra simpática e interessada. Não demora muito para que Alex fique interessada nele.

      Ele logo começa a ficar mais e mais próximo de Alex. Da paquera para o namoro, tudo se passa rapidamente e ao mesmo tempo muito intenso.

      Cole parece muito apaixonado, e Alex nem percebo que aos poucos foi se afastando dos amigos, da família, de todos que gostavam dela... e até dela mesma.

     Mas é quando Cole se mostra verdadeiramente que o castelo começa a desmoronar.

     É um retrato duro da realidade.

     Quando eu disse que a trama é simples, eu quis dizer que falar de "violência doméstica" é algo que vemos todos os dias em todos os noticiários, mas será que sabemos reconhecer um agressor?

     E se você já estivesse apaixonada quando descobrisse que ele é um agressor?

     É disso que se trata "Amor Amargo".

     Sobre uma coisa comum, mas que de maneira nenhuma deveria se tornar banal.

     A forma que a autora descreveu os personagens é ao mesmo tempo maravilhoso e amedrontador.

     Narrado em primeira pessoa por Alex. Estar vivendo e sentindo tudo que ela sentia foi o que me abriu os olhos e mais me emocionou.

     É muito fácil julgar uma garota que apanha do namorado. Ou até mesmo dizer: "Eu jamais deixaria um homem fazer isso comigo", mas ouvir, ver, sentir, estar na pele desta garota ninguém quer. Por isso ela é tão esclarecedora.

     Quando eu disse que ela me irritou, quis mostrar que acho ruim erra carência toda, mas as pessoas são assim, algumas são diferentes mesmo.

     Violência doméstica é um assunto que dá pano pra manga. E que bom que este livro veio aumentar mais ainda essa discussão.

     Teria como pedir para este livro se tornar obrigatório para adolescentes do ensino médio? 

     Sério. Todos devem ler. Obrigatoriamente para os adolescentes e por prazer para todas as idades.

     Um drama que irá te rachar ao meio, emocionara, derrubar mesmo!

     Agora sim, me rendi, me apaixonei e virei fã da autora. 

     Leiam logo!!!!














6 comentários:

  1. Ao contrário de você, eu adorei A Lista Negra..e ando namorando esse novo livro da autora, faz tempo!!!
    Violência, segredos, família...e isso de se afastar de amigos quando se "descobre" o amor. É típico de adolescentes.Quem nunca fez ou faz isso?
    Mas claro, que não seria algo comum num livro assim. Amargo....
    Está entre os mais desejados e espero ler em breve!!!
    Resenha impecável, só pra variar.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Amei sua resenha, quero muito ler esse livro !

    ResponderExcluir
  3. simplesmente uau, fui lendo e me apaixonando pela resenha e pela sua passionalidade com a trama, o titulo me deixou com receio, assim como a capa, mas é um clássico "não julgue um livro por sua capa"
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia esse livro e li muito pouco a respeito dele, no entanto, gostei do que li em sua resenha. Acho que vou precisar ler e depois dar uma opinião favorável ou não sobre ele.

    ResponderExcluir
  5. Olá!!
    Nossa esse é um assunto bem forte, quero muito ler esse livro, e pretendo trabalhar com ele em minha aulas.
    Bjocas!!

    ResponderExcluir
  6. Finalmente conheci alguém que não morreu de amores por A Lista Negra. Esperava bastante dele e agora fico com receio de ler outros livros da autora, apesar de Amor Amargo ter uma temática que me interessa. Vou amadurecer essa ideia e talvez dê uma chance :D



    ourbravenewblog.weebly.com
    Participe do nosso Top Comentarista valendo um livro Jantar Secreto, do autor Raphael Montes :)

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© To Pensando em Ler - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo