6 de fevereiro de 2015

Tô Pensando... Por aí - Exposição Ron Mueck

Não sou uma entendedora dos assuntos da arte. Só posso dizer o que sinto quando as vejo.

Mas para informar mais sobre essa Mostra do australiano Ron Mueck eu retirei algumas informações do site da Pinacoteca. E depois eu falo mais das minhas impressões.

Vamos lá:








Após exposição no Museu de Arte do Rio de Janeiro e na Fundación PROA, Buenos Aires. Ron Mueck se inscreve na tradição escultórica de representação da figura humana. Os temas, materiais e técnicas utilizados fazem dele um autor original, inovador e contemporâneo. Suas esculturas cativam pela mudança nas dimensões de escala e realismo dos personagens, cujos gestos sutilmente expressam situações cheias de vida e mistério. 









Uma exposição de Ron Mueck é um evento incomum e fez sucesso por onde passou, Japão, Austrália, Nova Zelândia, México, Buenos Aires e Rio de Janeiro. Mueck trabalha lentamente seu pequeno estúdio no norte de Londres, onde o tempo é um importante elemento para o seu processo criativo. O detalhe de suas figuras humanas é meticuloso, com mudanças surpreendentes de escala que estão longe do realismo acadêmico, hiper-realismo ou da pop art. Suas obras não descrevem pessoas reais ou situações, mas a obsessão com a verdade falada de um artista que busca a perfeição e é extremamente sensível com a forma e a matéria. Empurrando a verossimilidade ao limite, Mueck cria obras secretas, meditativas e fascinantes. Uma mãe com seu filho, casais jovens ou adultos que variam entre estados de tensão e calma e um homem nu em um barco à deriva, são algumas das imagens que fazem parte da exposição. Obras que encerram uma interioridade vital e profunda, capazes ao mesmo tempo de expressar a perfeição técnica do artista e sua obsessão com a verdade.









Mueck utiliza materiais como resina, fibra de vidro, silicone e acrílico para reproduzir fielmente cada detalhe da anatomia humana e construir esculturas que tematizam pinturas de vida e morte. Suas obras evocam uma espécie de realismo que é ao mesmo tempo íntimo e monumental. Em diferentes escalas, o artista amplia ou reduz muito o tamanho dos corpos para criar situações que movimentam o espectador.









Agora vamos às minhas humildes impressões.

Eu já tive oportunidade de ir à várias exposições de vários artistas diferentes, mas nada me impressionou tanto quanto o hiperrealismo de Ron Mueck.

O corpo exibe o suor do homem na piscina... os pelos das suas pernas. A impressão é que ele realmente me olhava para mim por baixo dos seus óculos escuros.

O olhar perdido da mulher com o bebê nos faz imaginar de onde ela veio, para onde ela está indo carregando somente aquelas sacolinhas plásticas. E o que ela está pensando??

A natureza morta de Ron é uma galinha pendurada, quase totalmente depenada. Os detalhes de seus pés me impressionaram.









A expressão de garoto assustado com o sangue que escorre do seu corte na barriga é algo assustador. 









Como não se impressionar com os detalhes do corpo desta mulher??

Impossível.










O olhar perdido, as unhas, o cabelo deste homem... Sem palavras para expressar tamanha realidade e sentimento!!


















Eu não sabia quais eram as obras que estariam expostas aqui em São Paulo, mas das que eu queria muito ver de perto, duas estavam aqui, então já fiquei feliz. Uma delas era o casal na praia. O hiperrealismo gigante era o que eu mais queria ter contato, e não me arrependi de esperar tanto!!

Cada detalhe... é melhor você clicar nas fotos e vê-las maiores para entender o que eu falo.

As outras que eu ainda quero muito ver estão expostas em outros museus espalhados pelo mundo. Estão na lista de coisas para fazer nesta vida, rs.








Espero que tenham gostado. Mais uma vez entupi vocês de fotos, rsrs. Mas é tudo tão... tão... tão... Vocês sabem!!!


Até o próximo Por aí!!!












Comente, clique e concorra:

11 comentários:

  1. Pense em alguém que ficou vendo cada foto com o queixo caído?
    Eu =)
    Menina, que realismo impressionante!
    Também não entendo muito de arte, mas admiro demais..até as coisas mais simples. Mas passear nas imagens acima foi algo fora do comum!!!
    Impressionante cada foto..cada olhar, detalhes. Real demais!!
    Tô meio boba até agora.
    Obrigada por ter dividido esse presente conosco!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. é isso que mais gosto em SP, é uma cidade que nunca dorme, tem sempre algo novo pra se conhecer, pra se explorar
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Alessandra,

    Essa é uma exposição que eu gostaria de ir prestigiar, gosto demais de arte em geral, belo post....abraço.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Lelê, lindas,não!? fiquei de boca a berta com o realismo das obras, de perto então deve ser algo maravilhoso!

    Dois abraços ;)

    ResponderExcluir
  5. Oii tudo bom??
    Indiquei o seu blog para participar de um tag, que está rolando lá no blog!!
    Espero que goste.
    Beijoos

    http://www.gypsyheartbooks.com.br/2015/02/especial-tag-11-coisas.html

    ResponderExcluir
  6. Lelê, essa exposição é a coisa mais louca e incrível que eu já vi. Simplesmente sensacional!
    Pelo que entendi, esteve aqui no RJ e eu não soube. Se voltar, vou conferir, com certeza!

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de fevereiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Muito legal né!
    Coisa de gênio!!

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiee lelê....
    Que legal a exposição, posso te confessar algo, eu fiz 3 semestres de história da arte e sai entendendo menos do que quando entrei então não se sinta "perdida" nas exposições afinal a interpretação depende muito mais do que a pessoa sente do que da própria obra...
    Adorei o post... bjokas GG

    Domino Simmons - www.cantodadomino.blogpost.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu também não sou nenhuma entendedora de arte, mas acho muito legal todo tipo de exposição, museu, e coisas do tipo. Adorei as fotos, as esculturas são muito realistas, queria demais ver algo assim, mas que pena que não vem para minha cidade. Adorei!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Eu achei muito doida essa exposição! Já estudei as obras de Mueck, e tenho a vontade de vê-las de perto... Ele é um grande artista e realmente impressiona com esse Hiperrealismo... Imagino que a cabeça deitada, do homem que tá dormindo, deve ser impressionante vista de perto... Obrigada pela oportunidade de conhecer parte dessas exposições sem poder estar presente...
    Kisses =*

    ResponderExcluir
  11. Lele, que realismo é esse, meu Deus! Que talento! Olha, eu já havia ouvido falar dessa arte e se não me engano, tem um museu em( Las Vegas? ), onde são feitas escultura de artistas e se não me engano são cera, mas, Lele, que lindo!!! Realmente, lindo!

    http://lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...