#Resenha: Sacanas do Asfalto

   

Título: Sacanas do Asfalto

Autor: Robson Gundim

Páginas: 267

Editora: Pendragon

Skoob



COMPRE AQUI:  AMAZON,  BUSCAPÉ, SUBMARINO













     CHOCADA! ESTIRADA NA BR!

     Bebendo na mesma fonte de Quentin Tarantino, Robson Gundim mostra como se escreve um livro de ação, com perseguições de tirar o fôlego e muita morte... mas muita morte mesmo!


"Como eu disse, podemos pegar os corpos, desmembrá-los, dissecá-los e queimá-los pelo resto da noite."
Pag. 103


     Entre dezenas de personagens que vão sendo apresentados durante a trama, tem três protagonistas que dividem o palco principal; Teh, a "Xena Brasileira", Arthur, o "Pequeno Homem" e Rob, o "Pen-Man". 

     Os três se organizam para passar as férias na Ilha de Vera Cruz. durante a ida, mais duas garotas se juntam nessa viagem. Tá tudo bem divertido, certo?

     Não por muito tempo.

     Numa noite eles vão para um barzinho comer, beber e jogar conversa fora. E é quando uma gangue de motoqueiros entra no mesmo bar.

     O chefe da gangue fica... digamos... encantado por umas das garotas e resolve investir seu charme brucutu pra cima dela.

     Mas a garota é "sangue no zóio" e bota o cara pra correr.


"Ah, meu amigo... eles não perdem por esperar. O que houve nesta noite foi apenas o começo."Pag. 127


     Humilhado, o grandalhão não quer deixar barato, e quer sua vingança.

     Enquanto a turma está indo embora, o cara arma um acidente. Neste momento o leitor é apresentado aos primeiros corpos. Não estranhe. Muitos outros virão, pois este bandido faz uma tremenda perseguição aos garotos. Seu desejo é matá-los. Todos. Sem exceção.

     Dois estranhos se aproximam para "ajudar", mas nem tanto quanto parece. Enfim... a confusão está armada.

     O narrador deste livro conta a história de forma não linear e por vezes conversa com o leitor, explicando algumas curiosidades. Isso me deixou ainda mais próxima da trama. Quase tomando tiro de raspão. 

     Assim como nos filmes de Tarantino, Robson usa do artifício de voltar ao passado de alguns dos personagens para explicar seus motivações. Adoro isso. Principalmente quando ele faz isso com os vilões.







     Em menos de trezentas páginas temos mais de uma dezena de mortos. Se você acha isso muito, tenho certeza que não achará quando ler.

     O livro tem ação do começo ao fim, e mesmo assim não é corrido. Tudo acontece de forma gradual e no momento certo. Além disso, tem muito humor. Um sarcasmo único. Um cinismo escrachado e delicioso.

     As ilustrações que compõe o livro foram feitas também pelo Robson Gundim e deram um toque prá lá de especial ao livro.





     Se você gosta dos filmes do Quentin Tarantino, sem dúvida irá amar este livro.

     Tá mais do que recomendado.


"A gente se livra de dois corpos, e de repente surgem mais três. Essa casa virou um antro de cadáveres."Pag. 196



















a Rafflecopter giveaway


















10 comentários:

  1. Sou apaixonada por Quentin!!E é claro que já quero muito ler o livro acima. Até a capa remete aqueles filmes, com lanchonetes no meio do deserto, fumaças de cigarro e muita, muita confusão. Sempre com uma boa música de fundo!!!
    As ilustrações também ficaram show!
    Vai para a lista de desejados!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Adorei a resenha, e fiquei bem interessada em ler mais dessa história!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Oii!! Adorei as ilustrações, o enredo tá bem bacana, qro conhecer mais sobre o livro, dica anotada!
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Olá ;)
    Adorei as ilustrações e a premissa do livro! Gosto dos filmes do Tarantino, então acho mesmo que vou gostar!
    Já coloquei na lista de leitura!
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Lele do céu, que resenha maravilhosa! *--* Obrigado por embarcar nessa viagem alucinante dos Sacanas! <3 Adorei!

    ResponderExcluir
  6. Caramba, Lelê.
    Essa história parece ser deliciosamente sangrenta e agora estou super curiosa!!
    Vou anotar a dica!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  7. Lê!
    Já tive oportunidade de ler dois livros do autor de estilos diversos a esse, porém com a mesma escrita coerente e fluente, que envolve o leitor.
    Bom ver mais um livro dele fenomenal.
    Acho que me arriscarei a levar um tiro de raspão também e ler o livro.
    Desejo uma semana tranquila!
    “Uma pergunta prudente é metade da sabedoria.” (Francis Bacon)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. quantos bons elogios a trama
    pelo visto o autor virou um queridinho
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Que bom que esse livro tem tudo na medida certa. Adoro os livros mais sarcásticos e que tem ação, suspense e esses enigmas. É bom quando a gente se surpreender com um livro! Não conhecia, mas achei interessante. Vlw pela indicação :)
    Bjus

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...